sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Rota do Açúcar - Penedo


Atravessando o Rio São Francisco, de Alagoas para Sergipe


Casa à venda, sonhada para ser minha


Igreja e Convento Nossa Senhora dos Anjos


Pôr-do-sol à beira do Rio São Francisco, Penedo



Fim de tarde na Rocheira, à beira do rio


Hotel Colonial, à direita, onde pernoitei em frente ao rio


Vista do Rio São Francisco



Resumo em uma palavra o que senti ao chegar a Penedo, Alagoas: encantamento.

Tudo nessa cidade, que fica às margens do Rio São Francisco, me levou a ficar mais tempo do que eu desejava. Meu objetivo era atravessar o rio e pernoitar em Aracaju para, na manhã seguinte, seguir para Salvador.

As casas antigas do centro histórico mostram o quanto se pode conservar sem tirar delas o jeito especial de vida urbana que a cidade tem. Patrimônio Histórico do Brasil, Penedo é uma das jóias do Velho Chico, tanto do ponto de vista arquitetônico quanto cultural.

A vista do rio do alto do penedo, onde fica a fortaleza, é deslumbrante, mais ainda quando é emoldurado por um pôr-do-sol em tarde de céu de um azul profundo. Desci até à beira do rio para senti-lo mais verde-musgo do que à distância permitia.

Passeando pelas ruas vazias, deu uma vontade de morar ali. E não foi difícil me sentir tão dentro delas, pois encontrei uma casa de dois andares à venda. Ao entrar para conhecer, fiquei mais tentado ao saber que o valor era praticamente o de uma casa em Salvador em bairro popular, bem mais simples e menor, sem o glamour de morar numa casa tombada pelo IPHAN.

As fotos que tirei do casario reproduzem a minha tentativa de captar meu olhar de turista acidental. Pena não ter tido tempo para vagar mais pela cidade, mas ao acordar em pleno dia de comércio, fiz um percurso mais atento, porém num circuito de ruas próximas ao hotel, e tive a certeza de que ainda voltarei à Penedo para visitar não só outros pontos de sua urbanidade, mas o litoral sul de Alagoas, onde desemboca o Rio São Francisco.

2 comentários:

Saionara Oliveira disse...

Olá amigo querido quantos anos não nos vemos...me responde.beijão Saionara...Ahh lindas fotos!

WILLIAMS E O HIT PARADE disse...

Cara , gostei do seu texto sobre essa linda e maravilhosa cidade ribeirinha do baixo são francisco.
Ali vc resumidamente mostrou o sentimento real de todo o visitante
que ticaquevievivilá chega!
Imagine quando é um próprio filho que quando chega a passeio...só dá vontade de ficar ali mesmo recordando
os velhos tempos!!!
Se me pemitir gostaria de colocar esse seu comentário no meu Recente blog wwww.penedoromanticaquevievivi.spaceblog.com.br
williams